Kursy językowe Poznań
Kursy Poznań
Znajdujesz się w: www.portoalegre.pl  »  Gramatyka  »  Gramática portuguesa  »  Português de Portugal x português do Brasil (8) LETRAS H, I, L

Português de Portugal x português do Brasil (8)



       Apesar da nossa língua portuguesa não estar dividida em “versões” (versão brasileira, versão portuguesa, versão angolana, etc) e o uso da expressão “versão brasileira” para definir o português usado no Brasil ser algo completamente sem fundamento (alguém já viu livro de gramática “brasileira”?), ainda mais depois do acordo ortográfico que entrou em vigor dia 01 de janeiro de 2009; existem algumas pequenas diferenças entre o português de Portugal e o português do Brasil. Hoje a oitava parte. Boa leitura!
 
H/I/L
 
Hora de pique  –  Para os portugueses é a hora de ponta. Ou seja é aquele momento do dia onde uma grande quantidade de pessoas têm que ir a um certo ponto da cidade (para o trabalho, para a casa), criando, assim, congestionamento e movimento acima do normal nas ruas. Em polaco falamos “godzina szczytu”.
 
Hospedeira – No Brasil falamos aeromoça (dosł. latająca dziewczyna). Os  brasileiros podem ligar a palavra hospedeira a uma pessoa que hospeda alguém, que recebe alguém em sua casa. Mas năo é nada disso, hospederia, como aeromoça, é a mulher que atende os passageiros durante os voos. Em polaco  stewardessa
 

Imenso – Palavra conhecida e usada no Brasil, mas năo tăo seguido como em Portugal. No Brasil prefere-se a palavra muito. E em alguns casos a frase pode tornar-se estranha caso se use a expressăo imenso. Como por exemplo, a frase “Machuquei-me imenso”. Neste caso, os brasileiros obrigatoriamente usam a palavra muitoBardzo ou dużo, em polaco.


Infantário – Palavra desconhecida entre os brasileiros, que para przedszkole preferem a palavra jardim-de-infância.


Laço – Além do significado normal, que em polaco traduzimos como lasso, em Portugal esta palavra é usada para designar aquele tipo de gravata usada geralmente com smoking e que em polaco chamamos de muszka. No Brasil usa-se a palavra gravata-borboleta (krawat motylek).


Liceu – Palavra desconhecida no Brasil apesar de sua famosa origem aristotélica. Em Portugal, como na Polônia, é umas das definiçőes de escola secundária, como falamos no Brasil. O liceum, em polaco.


Linguado – Se você pedir um linguado no Brasil, você ganhará no máximo, um peixe com este nome (flądra). Em Portugal, você pode ganhar um beijo com língua, czyli całus z językiem.


Lume – O que no Brasil chamamos de fogo. Ogień, em polaco.